────⊰☫ Princeton-Plainsboro Teaching Hospital

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

────⊰☫ Princeton-Plainsboro Teaching Hospital

Mensagem por Convidado em Qua Set 10, 2014 5:59 pm




Princeton-Plainsboro Teaching Hospital

Princeton, New Jersey, United States - Princeton-Plainsboro Teaching Hospital

"A parte estranha de dizer a alguém que ela está morrendo,
é que a ela tende a focar em suas prioridades. Você descobre o que realmente importa para elas.
Pelo quê elas estão dispostas a morrer. Pelo quê elas estão dispostas a mentir."
──── Dr. Gregory House

O Hospital Universitário de Princeton, Plainsboro é dirigido pela Dra. Cuddy, que  frequentou a Universidade de Michigan como uma licenciatura. Durante este tempo, ela conheceu Gregory House, que já era uma lenda no campus. O seu sonho de ser médica começou quando ela tinha doze anos, e ela graduou-se da escola médica com vinte e cinco anos como a segunda melhor na sua classe, o que lhe rendeu um excelente currículo e garantiu a liderança do Hospital Universitário, chamando assim o já bem conhecido Dr House para trabalhar com ela. House é um infectologista e nefrologista que se destaca não só pela capacidade de elaborar excelentes diagnósticos diferenciais, como também pelo seu mau humor, ceticismo e pelo seu distanciamento dos pacientes, comportamento anti-social (misantropia), já que ele considera completamente desnecessário interagir com eles. Ele é um gênio da medicina, formado na Johns Hopkins University School of Medicine e contratado pela Dra. Cuddy assume o cargo de chefe do Departamento de Medicina Diagnóstica do Hospital de Princeton-Plainsboro. Ele e sua equipe enfrentam casos totalmente fora do comum, que desafiam sua inteligência e raciocínio, obrigam House a muitas vezes utilizar de práticas heterodoxas de diagnóstico, motivações terapêuticas radicais. Brilhante, Gregory valoriza mais a descoberta do quebra-cabeça, a ligação dos sintomas, para fazer o diagnóstico mais importante do que a vida do próprio paciente, e a racionalidade forte de House resultam em conflitos frequentes entre ele e sua equipe. Também é mostrada com frequência a falta de empatia e simpatia de House por seus pacientes, uma prática que lhe proporciona mais tempo para resolver enigmas patológicos. Com um temperamento difícil de lidar, não é fácil encontrar médicos capazes de suportar a pressão do trabalho com o excêntrico Dr. House, então as vagas para o Departamento de Diagnóstico estão abertas para possíveis interessados.  

avatar
Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum